Lado A

from by Giallos

/
  • Streaming + Download

    Includes unlimited streaming via the free Bandcamp app, plus high-quality download in MP3, FLAC and more.

      $1 USD  or more

     

lyrics

1 - AÇOUGUE

Nós somos o terror
E a carne pendurada na vitrine
Somos nós
Mão de obra barata
Prontos para o consumo
Quem sabe nós tivemos uma boa morte
O procedimento nunca será revelado

Um tiro fatal
Um porrete na cabeça
Ou um suicídio
Quem sabe?

Visite a nossa cozinha
O que interessa é que seremos consumidos
Somos carne fresca

No garfo
Nos dentes
Depois de mastigados
Seremos a mesma coisa
O terror!

As receitas vão distinguir a nossa classe social
Seremos devorados num almoço
Numa marmita na obra
Ou num restaurante hype
A diferença está no preparo
No tempo exposto ao sol

Mas antes somos carne
Pendurada
A classe operária
O açougue é a vida
Ou a morte
Quem sabe?

2 - ELES

Eles passeiam de carro por cima dos corpos
Dos que construíram a porra da cidade
Eles salvaram o mundo e estão conectados
Não usam drogas e bebem água potável

Eles são foda, baby
Nós somos os vagabundos

Eles são educados e evoluídos
Como foram os seus antepassados
Eles têm uma cruz no rabo
Pra redimir todos os seus pecados


3 - AMOR SÓ DE MÃE

Curva-se para servir e agradecer
Pela sua existência
Antes dos deuses ela já amava
Era rude
Agora não mais
Fomos padronizados
Eu só tenho ódio
E ela chora
Abrace os seus antes que seja tarde
Nós somos o mundo
E toda a sua perversidade
Lembre-se da morte
Filho

A figura de um homem que nos pune por crimes que não cometemos
É forte no imaginário, um sofrimento diário
Mas mantêm a ordem, apela
E mesmo que fosse verdade, ainda assim poderíamos julgá-lo
Como um homem

O antes de tudo
O castigo
O começo
O que está em todas as coisas
A verdade inacessível
Na cabeça dos aflitos
Dos perdedores natos
Dos arrependidos
Dos mal amados
Dos comunistas
Dos santos falsos e verdadeiros
Dos alcoólatras
Dos que justificam a culpa
Só ela absolve
É o amor verdadeiro

4 - EU ERA UM LOBISOMEM ADOLESCENTE

Eu era um lobisomem adolescente
Querendo brincar
Eu tinha uma namoradinha adolescente
Querendo brincar
Ninguém nos fez parar

Eu tinha poderes sobrenaturais
Mas eu era apenas um adolescente
Eu estava no auge da minha puberdade
E ela também
Ninguém nos fez parar

Eu era um lobisomem adolescente
Numa noite de lua cheia
Com uma garota excitada
E todo aquele sangue pulsando nas veias
Ninguém me fez parar

Eu era um lobisomem adolescente
Querendo brincar
Eu tinha uma namoradinha adolescente
Querendo brincar
E ninguém nos fez parar

Agora ela está em pedaços
E o meu coração também
O amor não é nada justo
Nem tampouco inocente
Agora estou tão só

5 - DANÇA MACABRA

Acordo pela manhã e sinto que algo não está legal
Escuto uma voz macia pelos corredores da casa
E ela aparece de repente em um vestido todo preto
Batom vermelho nos lábios
E me fala sobre a mediocridade das glórias terrenas
Tudo é ilusão
Ela me convida para uma dança
Tão solene quanto irresistível
Venha dançar comigo, baby! Ela disse
Chegou a nossa vez
Porque eu?
Perguntei ao ouvir os primeiros acordes de uma música tensa que se espalhava pelo ar

Era cedo demais
Eu não esperava
Eu não estava preparado
E quem está?
Ninguém está
Você sabe quem eu sou?
As minhas pernas tremiam num ritmo alucinante
Eu sou a luz
Eu sou a verdade
Eu sou o Mickey Mouse
Você não pode
Você não pode me levar

Não tenha medo, Baby
Essa é a nossa única certeza
Pense que a natureza humana
Não é mais do que carne para os vermes

credits

from Amor Só De Mãe, released April 8, 2016

tags

license

about

Transfusão Noise Records Rio De Janeiro, Brazil

Brazilian DIY label. Since 2004

contact / help

Contact Transfusão Noise Records

Streaming and
Download help

Redeem code